Um novo relatório identifica uma oportunidade de mercado de $1.6 trilhão para pequenas empresas de tecnologia limpa nos países em desenvolvimento

Pequenas e médias empresas (SMEs) nos países em desenvolvimento podem gerar um significativo crescimento e criar empregos aproveitando uma potencial oportunidade de mercado de $1.6 trilhão em tecnologia limpa.

top-3-clean-technologies-for-smes

24 setembro 2014

  • Pequenas e médias empresas (SMEs) nos países em desenvolvimento podem gerar um significativo crescimento e criar empregos aproveitando uma potencial oportunidade de mercado de $1.6 trilhão em tecnologia limpa.
  • A América Latina e a África estão entre os maiores mercados para SMEs em tecnologia limpa, com potenciais tamanhos de mercado de $349 bilhões e $235 bilhões respectivamente. As SMEs são importantes impulsionadoras na criação de empregos.
  • Empregos em tecnologia limpa comparam-se favoravelmente a empregos em outros setores, sendo em média mais exigentes quanto à qualificação, mais seguros e melhor remunerados. Os países devem agir com políticas essenciais a fim de realizar totalmente esse potencial de crescimento

 

O infoDev/World Bank Group, em colaboração com o Carbon Trust, quantificou, pela primeira vez, as oportunidades econômicas que as pequenas empresas podem aproveitar em setores de tecnologia limpa e amigável ao clima nos países em desenvolvimento. Durante os próximos dez anos, estima-se que os investimentos em tecnologias limpas em mercados emergentes excedam $6 trilhões, dos quais $1.6 trilhão representa oportunidades de negócios para pequenas e médias empresas (SMEs), importantes impulsionadoras da inovação tecnológica e da criação de empregos.

O novo relatório, intitulado “Construindo indústrias verdes competitivas: a oportunidade do clima e da tecnologia limpa para os países em desenvolvimento”, identifica a China, a América Latina e a África Subsaariana como os três principais mercados no mundo em desenvolvimento para as SMEs (pequenas e médias empresas) de tecnologia limpa, com um tamanho de mercado esperado de $415 bilhões, $349 bilhões e $235 bilhões, respectivamente. As oportunidades mais promissoras estão no tratamento de águas residuais, ventos em terra, painéis solares, veículos elétricos e hidrelétricas de pequeno porte.

Análises de dados e estudos de caso no Quênia e na Índia mostram como essas oportunidades de mercado também têm importantes impactos sociais. No Quênia, por exemplo, aproximados 80 por cento da população não atendido pela rede elétrica representa um vasto mercado para as soluções de um novo clima e tecnologia limpa. Empresários locais e SMEs estão obtendo soluções inovadoras em tecnologias solar e de biogás.

O relatório, publicado pelo infoDev, um programa global de inovação e empreendimento no World Bank Group, também destaca a ligação importante entre indústrias verdes e a criação de empregos. Empregos em tecnologia verde comparam-se favoravelmente a empregos em outros setores, requerendo maiores habilidades, remunerando melhor e oferecendo maior segurança no trabalho.

Para ajudar os países a revelar este potencial ambiental e econômico, o relatório, para o qual o Carbon Trust forneceu a análise técnica, identificou uma série de ações que podem ser implementadas para construir indústrias locais verdes. O estudo fornece uma gama de instrumentos práticos para apoiar SMEs (pequenas e médias empresas) em áreas fundamentais, como desenvolvimento de mercado, financiamento inovador, empreendedorismo e aceleração de negócios, desenvolvimento de tecnologias e a estrutura legal e reguladora. Essas considerações sobres políticas são ilustradas através de estudos de caso de programas nacionais na Coreia do Sul, na Índia, na Tailândia e na Etiópia.

Durante a próxima década, o uso de tecnologia limpa representa uma enorme oportunidade para os países em desenvolvimento colherem recompensas econômicas substanciais – desenvolvendo as indústrias locais e criando empregos e produtos de exportação, assim como resultados ambientais positivos. Nossa análise mostra que as SMEs (pequenas e médias empresas) têm um papel fundamental nisso e que poderiam acessar cerca de um quarto da oportunidade de mercado de $6 trilhões. Nós já estamos vendo inovações reais das SMEs (pequenas e médias empresas) no mundo em desenvolvimento na adaptação de produtos a necessidades locais e no desenvolvimento de novos modelos de negócios. Tornar possível e acelerar isso deveria ser uma prioridade dos criadores de políticas a nível global e local.

James Rawlins, Diretor Associado do Carbon Trust

Para fazer download do relatório completo, visite (English): Building Competitive Green Industries: the Climate and Clean Technology Opportunity for Developing Countries

Notas aos editores

Sobre o Carbon Trust:

O Carbon Trust é uma empresa independente com a missão de acelerar a mudança para uma economia sustentável, de baixo carbono. O Carbon Trust:

  • Assessora empresas, governos e o setor público sobre oportunidades em um mundo sustentável, de baixo carbono.
  • Mede e certifica a pegada ambiental de organizações, produtos e serviços.
  • Ajuda a desenvolver e utilizar tecnologias e soluções de baixo carbono, desde eficiência energética até energia renovável.

Para obter mais informações, contate a assessoria de imprensa do Carbon Trust no telefone +44 (0) 20 7170 7050 ou no e-mail press@carbontrust.com.

Como alternativa, visite o site www.carbontrust.com.

Voltar ao topo