O Carbon Trust deve apoiar as Olimpíadas de 2016 no Brasil

As Olimpíadas são um desafio técnico e logístico sem precedentes para qualquer cidade hospedeira, pois a rede de energia é utilizada por enormes estádios esportivos, emissoras de todo o mundo, espectadores e provedores de serviços, tudo ao mesmo tempo.

maracana-stadium-rio-de-janeiro-brazil

31 julho 2013

Uma análise descobriu que a variação no consumo de energia durante as Olimpíadas pode aumentar em até 6 gigawatts em menos de 10 minutos – isso é equivalente a seis estações de energia nuclear, ou duas vezes a demanda de eletricidade do Rio de Janeiro.

O Carbon Trust irá tirar partido da riqueza da experiência e do conhecimento obtidos quando o Reino Unido gerenciou com sucesso a rede de energia durante as Olimpíadas de 2012 de Londres e compartilhará o aprendizado com as autoridades brasileiras.

O projeto aproveitará lições de como o Reino Unido preparou sua rede para fornecer energia confiável, de alta qualidade a dezenas de estádios esportivos, veículos para transporte e emissoras, enquanto responde à “sobreposição” difícil de prever causada por atividades não esportivas, como restaurantes mais ocupados e maior demanda doméstica. A operação e a manutenção de uma rede complexa durante um período prolongado de segurança intensificada também requisitaram soluções especiais em Londres, sobre as quais o Rio 2016 está ávido de aprender.

Uma delegação do ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico) do Brasil visitará Londres para experimentar na prática como são os centros de controle e coordenação da rede de Londres, e o Carbon Trust realizará oficinas de construção de habilidades no Brasil para compartilhar suas estratégias de preparação com técnicos e planejadores brasileiros. Os resultados do projeto também ajudarão o ONS com a Copa do Mundo que o Brasil sediará em 2014.

O Carbon Trust sediado em Londres fornecerá ao ONS, o Operador Nacional do Sistema Elétrico, assessoria sobre as melhores práticas aprendidas nos Jogos Olímpicos de Londres de 2012 e os Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro.

Estamos encantados de estar trabalhando com as autoridades brasileiras para fazer nossa parte em ajudar a garantir o sucesso da Copa do Mundo e das Olimpíadas do Rio. Este trabalho baseia-se em vários outros projetos que estamos realizando no Brasil, à medida que compartilhamos nossa experiência única com um número crescente de países em todo o mundo.

James Rawlins, Diretor Associado do Carbon Trust

O Operador Nacional do Sistema Elétrico – ONS – está muito satisfeito em participar deste projeto como um meio de garantir a oportunidade de melhorar a experiência operacional do sistema de eletricidade do Brasil durante grandes eventos, principalmente os Jogos Olímpicos de 2016 no Rio de Janeiro e a Copa do Mundo de 2014. Pretendemos utilizar este legado para manter o mais alto grau de confiabilidade e qualidade do fornecimento de energia no Brasil de agora em diante. Esperamos que esta seja apenas a primeira etapa de uma parceria de longo prazo com o Reino Unido e o Carbon Trust

Décio Nunes Teixeira Júnior, Gerente da Real Time Operation no ONS

Sobre o projeto

Este projeto é financiado pela Embaixada Britânica em Brasília e será realizado de junho de 2013 a julho de 2014

Notas aos editores

Sobre o Carbon Trust:

O Carbon Trust é uma empresa independente com a missão de acelerar a mudança para uma economia sustentável, de baixo carbono. O Carbon Trust:

  • Assessora empresas, governos e o setor público sobre oportunidades em um mundo sustentável, de baixo carbono.
  • Mede e certifica a pegada ambiental de organizações, produtos e serviços.
  • Ajuda a desenvolver e utilizar tecnologias e soluções de baixo carbono, desde eficiência energética até energia renovável.

Para obter mais informações, contate a assessoria de imprensa do Carbon Trust no telefone +44 (0) 20 7170 7050 ou no e-mail press@carbontrust.com.

Como alternativa, visite o site www.carbontrust.com.

Voltar ao topo